Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura
apresentam

4 de novembro de 2013

“Vida longa ao CopaFest”

Pelos corredores do Copacabana Palace, na noite do baile CopaFest que encerrou a sexta edição do festival, circulou um público entusiasmado com a música instrumental brasileira. Gente de diferentes idades, que conhecia muito ou nem tanto o homenageado da noite, Érlon Chaves.

Havia, sim, quem estava ali para conferir de perto e curtir Max de Castro mandando ver num repertório voltado ao grande maestro Érlon. Mas também havia uma turma marcando presença para acompanhar o Bondesom, grupo carioca jovem que faz som dos melhores e vem conquistando um público exigente na cena instrumental.

Nos depoimentos que tivemos, ninguém lançou menos que “sensacional” e “maravilhoso” para avaliar os shows daquela noite, como se pode ver no vídeo abaixo. A boa notícia, apesar de esta edição ter chegado ao fim, é que o curador e idealizador do evento, Bernardo Vilhena, diz que o CopaFest funciona como escola de samba. “Acaba uma edição, uma semana depois temos uma reunião de avaliação e começamos a pensar no CopaFest seguinte”, comentou Vilhena na noite de encerramento. No vídeo abaixo, ele fala brevemente sobre os caminhos do festival ao lado da também curadora Carol Rosman.
Confira também:
Vídeo:  Trecho dos shows de Tomás Improta e Raul de Souza Quinteto
Vídeo: Depoimentos e Trecho dos shows de DuoElo e Wagner Tiso com Som Imaginário

Ver post completo

3 de novembro de 2013

Duo Elo considera a experiência CopaFest um ‘divisor de águas’

Vencedores do concurso Novíssimos Talentos CopaFest, Cainã Cavalcante e Thiago Almeida, que formam o dueto Duo Elo, tocaram na segunda noite desta sexta edição do festival, a mesma que trouxe Wagner Tiso e Som Imaginário para o palco do Copacabana Palace.

Aclamado pelo público que esteve na plateia, o dueto vindo do Ceará voltou para casa com a sensação de que o CopaFest foi um divisor de águas na sua história, como comentou Cainã Cavalcante no vídeo abaixo. Além de aplausos, elogios não faltaram. Reinaldo Figueiredo, integrante do Casseta e Planeta, foi um dos que disseram ter visto “um show impressionante”.

Os vídeos abaixo mostram, respectivamente, uma conversa entre os músicos, logo após o show, e o depoimento do Reinaldo, que voltou ao festival também na última noite, a do baile CopaFest, quando Max de Castro embalou a pista com uma homenagem a Érlon Chaves e o grupo BondeSom encerrou, com direito até à palhinha do grande músico Carlos Malta, a programação de shows deste ano.

 


 

Ver post completo

2 de novembro de 2013

“Max de Castro Prepara a sua volta”, destaca O Globo deste sábado de baile

O jornal “O Globo” destaca, na edição deste sábado, Max de Castro, a principal atração do baile CopaFest que acontece hoje, a partir das 22h, no Copacabana Palace.

Abaixo, trecho da matéria, que vc confere completa neste link.

Max de Castro Prepara a sua volta

“Depois de dois anos e meio rodando o Brasil com o “Baile do Simonal” (“Esse projeto tomou uma dimensão completamente inesperada”, diz), Max de Castro retoma sua carreira. O primeiro passo foi o relançamento neste ano, em vinil, pelo selo Brasilis Grooves, de “Samba raro”, seu álbum de estreia, de 1999.

— O DJ Nyack, do Emicida, me procurou dizendo que as pessoas sempre pediam o vinil desse meu disco. A Trama liberou rapidamente, e eu ajudei a divulgar fazendo um show de lançamento — diz Max, que já recebeu convites para repetir o espetáculo. — Algumas músicas eu não tocava há muito tempo, rolou um clima bacana. “Samba raro” tem tudo a ver com hoje(…)

Para garantir ingresso para o baile que encerra o festival neste sábado, 02/11, com Max de Castro, Bondesom e Vinil é Arte, acesse aqui.
A lista amiga, que oferece a compra do ingresso pelo valor da meia entrada (R$ 40), está aberta. Você pode enviar seu nome e sobrenome para copafest@gmail.com e realizar a compra entre 14h e 20h, na bilheteria do hotel, ou a partir das 20h, na portaria do evento, com entrada pela Av. N. Senhora de Copacabana.

 

Ver post completo

Vinil é Arte mostra quais discos não podem faltar no festival

O coletivo Vinil é Arte entende quase tanto de CopaFest quanto de música. Estão no festival desde a primeira edição e garantem a discotecagem do evento com os melhores e mais lendários vinis da música instrumental brasileira.

Neste ano não é diferente. Quem chega ao lounge do CopaFest no Copacabana Palace encontra uma mesa repleta de relíquias. Não são só bolachas negras. Entre os discos, um cor de rosa salta aos olhos. É o Sabadabada, de Érlon Chaves, de 1965. Este é um dos discos que Caio Formiga, integrante do coletivo, diz não poder faltar no festival. Érlon, aliás, é o homenageado do baile desta edição, que acontece neste sábado, 02/11 [ingressos aqui]. Max de Castro promete não deixar a pista desanimar relembrando o grande maestro.

Pedimos para eles nos mostrarem outros indispensáveis ao CopaFest, e no vídeo abaixo você confere.

As dicas são de Pedro Paiva, Bruno Niggas, Luiz Valente e Caio Formiga, quatro dos seis moços atentos à música brasileira que fazem o Vinil. Todos são pesquisadores de música. Niggas e Valente têm também seus selos de vinil, o Brasilis Grooves e o Vinyl Land Records, respectivamente. O Brasilis lança em breve em vinil o Samba Raro, disco do Max de Castro de 1999. O Vinyl Land tem histórico com a turma da música independente, como BNegão e Lucas Santanna. Vale acompanhar!

Ver post completo

1 de novembro de 2013

Confira os vídeos da 1ª noite CopaFest no Copacabana Palace

Na quinta-feira, 31/10, segunda noite de CopaFest 2013 e primeira das três que acontecem no Copacabana Palace, o Duo Elo abriu o salão Cristal mostrando por que foi o vencedor do concurso Novíssimos Talentos. Na sequência, Wagner Tiso e Som Imginário, aguardados por um público formado por diferentes gerações, comandaram a noite.

Somos suspeitos para dizer o quanto incríveis foram esses shows, mas nos vídeos abaixo é possível constatar que nesta sexta edição a curadoria e produção se esforçaram para não fugir à regra: montar um festival que traduza o que existe de melhor na música instrumental brasileira, num ambiente que complete a experiência única de revisitar nomes consagrados e de conhecer novos capítulos da história da nossa música.  Nesta sexta, 01/11, e sábado, 02/11, as noites no Copacabana Palace prometem  muito mais! Confira os vídeos e garanta o seu ingresso aqui. Para a noite do baile, ainda há uma lista amiga aberta: envie e-mail com seu nome e sobrenome para copafest@gmail.com, e no dia 02/11 compre seu ingresso no Copacabana Palace por metade do valor (R$ 40,00) a partir das 20h.

No Flickr, uma galeria caprichada!

Ver post completo

31 de outubro de 2013

Confira os looks vencedores do nosso concurso

No nosso concurso cultural, perguntamos ao público qual seria um look interessante para Uma Noite no Baile da Música Instrumental Brasileira.

Mais de 20 looks chegaram ao Instagram com a hashtag #CopaFest. Os estilos foram diversos. Do pretinho básico com paetês ao short jeans com uma bela camisa off white. Esse último, aliás, foi o grande vencedor. Por ser despojado e ao mesmo tempo elegante. Um tanto clássico com bastante personalidade.  A Manuela Porto, criadora do look, é, portanto,  uma das três convidadas do CopaFest a curtir a noite com acompanhante. Ela irá ao baile no Copacabana Palace, poderá levar um acompanhante e ainda terá direito à experiência de um jantar no charmoso restaurante Pérgula.

O segundo colocado é o Gustavo Jacobina, que apostou numa jaqueta escura. Sem dúvida, uma peça que tem tudo para fazer sucesso no salão do nosso baile, onde ele poderá apreciar no próximo sábado, dia 02/11, o melhor da Música Instrumental Brasileira.

A terceira colocada do concurso, a Ana Carolina Wagner, enviou mais de um look. De moda ela entende. Todos super charmosos, mas o juri do concurso se apaixonou mesmo pela combinação saia vermelha, blusa listrada preto e branca e taileur preto, e foi com ele que a Ana garantiu presença entre os vencedores!

O CopaFest agradece a todos os participantes!

Se você também quer mostrar seu estilo e não foi um dos vencedores do concurso, garanta seu ingresso: aqui

 

 

 

 

Ver post completo

30 de outubro de 2013

O CopaFest já começou!

Uma noite conduzida pelo desejo de fazer a nova música instrumental brasileira, mas sem deixar de lado as melhores referências que fazem parte da história dessa música. Assim foi a primeira noite do CopaFest 2013, no StudioRJ, nesta terça-feira.

Quarteto Coda, Quarteto Thiago Carreri e Brasilidade Geral subiram ao palco para darem uma demonstração do quanto madura está essa nova geração, que não exita em unir ritmos pra lá de brasileiros, como xaxado, maracatu e bossa nova a sofisticados arranjos de jazz. Ao longo de três horas, os três grupos deixaram ali, na casa do Arpoador, suas marcas.

[Confira algumas fotos e vídeos no Instagram CopaFest]

No Quarteto Coda, um som limpo e mais clássico,  feito por cariocas, deu as boas vindas ao público da noite. Na sequência, o quarteto do paulista Thiago Carreri fixou a atenção do público com uma harmonia sofisticada. Da plateia, aplausos seguidos. O Brasilidade Geral fechou a noite garantindo o trombone, o trompete e o saxone da abertura do festival. A formação do grupo capixaba valoriza o que é genuinamente brasileiro, e por isso agradou quem estava ali para conferir “nossos” ritmos.

Foi uma noite leve e de música de qualidade, dessas que deixam todas as boas impressões que um festival de quatro dias, como o CopaFest, precisa para reforçar ao seu público que a curadoria da programação é feita para mostrar o que há melhor e o de mais interessante na cena atual da música instrumental. As próximas noites do CopaFest seguem num dos espaços mais charmosos da cidade, o Copacabana Palace.

Nesta quinta, 31/10, começam os shows no Salão Cristal, do Copa, que seguem nos dias 01/11 e 02/11. A abertura na quinta-feira fica por conta do Duo Elo, dueto do Ceará que traz novos arranjos em violão e piano. Depois, abrem espaço para Wagner Tiso e Som Imaginário.

Os ingressos estão à venda online no Ingresso Rapido.

 

 

Ver post completo

15 de outubro de 2013

Concurso cultural: Uma noite no baile da Música Instrumental Brasileira

copafest6

Moda e música dizem bastante sobre o comportamento de uma época. Estão ali, lado a lado, evidenciando atitudes, gerando identificação entre as pessoas, entre turmas, tribos. Saia rodada e rock…quem não viaja direto para os anos 50? E uma calça boca de sino acompanhada de um bom hit soul…difícil não viajar para os anos 70, não? O CopaFest neste ano quer saber: qual look representa uma boa noite no baile da Música Instrumental Brasileira? 

A resposta você pode nos dar no Instagram, participando do concurso cultural: “Uma noite no baile da música instrumental brasileira”.

É só fotografar um look, publicar na sua conta do Instagram e usar a hashtag #CopaFest.

Os 3 (três) looks selecionados pelo nosso juri levam um par de convites para a última noite do festival, o baile que toma o salão Cristal do Copacabana Palace no dia 02 de novembro. A programação? Max de Castro, Bondesom e Vinil é Arte! Um baile pra dançar, para se espalhar pelo memorável Copa e curtir uma genuína experiência de música instrumental brasileira.

O melhor entre os três looks – seleção também a cargo da nossa equipe – leva ainda um jantar a dois no restaurante Pérgula, lá mesmo no hotel Copacabana Palace, no mesmo dia, 02 de novembro.

E então? Que look é esse que carrega o melhor dos ritmos brasileiros e ainda te leva pra um super baile? Mostra pra gente!

 

CONFIRA AQUI O REGULAMENTO COMPLETO DO CONCURSO:

O Concurso Cultural “Uma noite no baile da música instrumental brasileira” oferecido pela M’BARAKÁ PROJETOS E PRODUÇÕES CULTURAIS LTDA

tem como objetivo aproximar o(a) participante de referências históricas que unem moda, comportamento e música instrumental brasileira, e proporcionar ao mesmo(a) uma imersão numa experiência genuína de música brasileira.

O Concurso Cultural está sujeito ao seguinte Regulamento:

1 – O Concurso Cultural “Uma noite no baile da Música Instrumental Brasileira” é realizado no Brasil pela M’BARAKÁ PROJETOS E PRODUÇÕES CULTURAIS LTDA, com sede à RUA EDUARDO GUINLE, 20 / 103 – Botafogo – Rio de Janeiro CEP: 22260-090

CPNJ: 07.959.913/0001-89

2 – Este Concurso tem caráter exclusivamente cultural e recreativo, não está subordinado a qualquer modalidade de sorte, risco, compra do produto ou pagamento pelos concorrentes e é válido em todo território nacional, sendo dispensado de autorização, nos termos do artigo 30, do decreto 70.951/72.

3 – PERÍODO DO CONCURSO

3.1 – O Concurso tem duração de 12 dias, com início em 15/10/2013, às 15:30hs (horário oficial de Brasília), e encerramento em 27/10/2013, às 12:00hs. Os vencedores serão informados em 28/11/2013 até às 20:00 h e deverão responder às informações solicitadas até 29/10/2013, até às 20:00 h.

4 – PARTICIPAÇÃO

4.1 – Estão habilitadas a participar do Concurso todas as pessoas físicas domiciliadas no Brasil, excluídos todos com função de gestão e colaboradores diretos ou indiretos na realização do CopaFest – Festival da Música Instrumental Brasileira. Além destes, não podem participar deste Concurso qualquer colaborador direta ou indiretamente envolvido em qualquer aspecto deste Concurso.

4.2 – Poderão participar deste concurso quaisquer pessoas com idade acima de 18 anos completos, desde que residentes e domiciliadas em território nacional, sendo que o CopaFest não garante qualquer logística fora do estado do Rio de Janeiro para entrega da premiação

4.3 – O presente concurso será realizado somente em território nacional será divulgado na Rede Social Facebook/Twitter, através do perfil @CopaFest e Fan Page CopaFest a partir do dia 15/10/2013.

4.3.1. O Participante, ao aderir ao presente concurso fica ciente de que caso não se localize no Brasil e mesmo assim optar por participar será automaticamente excluído da mesma.

4.3.2. O Participante, ao aderir ao concurso fica ciente de que caso não se localize no estado do Rio de Janeiro, e mesmo assim optar por participar, ele terá que arcar com custos de logísticas (viagem, hospedagem, alimentação) para gozar da experiência relacionada à música instrumental brasileira oferecida por este concurso.

5 – MECÂNICA DO CONCURSO

5.1.    Para participar do presente concurso, os participantes deverão obrigatoriamente possuir ou criar, dentro do prazo deste concurso cultural, um perfil na rede social Instagram, onde ocorrerá toda a dinâmica do concurso. Nessa rede, devem postar imagens (fotografias apenas) que traduzam a frase “Uma noite no baile da música instrumental brasileira”. O concurso terá foco na relação “história da música, moda e comportamento”

5.2 O Participante poderá enviar quantas imagens relacionadas à música instrumental e moda desejar, desde que individualmente, e relacionadas com o texto hashtag e o identificador #CopaFest, sob pena das respostas serem consideradas inválidas e excluídas do presente Concurso Cultural não havendo possibilidade de reclamação por parte do participante.

5.3 – As IMAGENS (fotografias apenas)  deverão ser totalmente originais do participante e não deverão haver sido previamente publicadas ou premiadas. Os participantes não poderão copiar no todo ou em parte o trabalho de terceiros. Os participantes deverão possuir todos os direitos autorais sobre o material por ele cadastrado. O conteúdo do material é de única e exclusiva responsabilidade do participante, que deverá respeitar a legislação civil e penal do país. Uma vez submetida as IMAGENS, não será possível sua substituição ou correção. As IMAGENS não poderão constar qualquer marca, inclusive do próprio CopaFest.

5.4 – Os participantes deste Concurso cedem, em caráter definitivo, irrevogável e irretratável, os seus direitos autorais sobre a criação das IMAGENS FOTOGRÁFICAS publicadas, embora o CopaFest se comprometa a não utilizá-las em quaisquer campanhas, mas apenas a replicá-las nas redes sociais em que está presente e em veículos de comunicação que o queiram fazer com motivação jornalística.

5.5 – Todas as participações serão moderadas para a verificação do cumprimento dos termos deste regulamento. IMAGENS (fotografias apenas) consideradas inadequadas estarão sujeitas a serem alertadas pela organização do concurso cultural. Em caso de publicação reincidente de IMAGENS e TEXTOS que as acompanham inadequados quando estiverem vinculadas à hashtag #CopaFest, o participante está sujeito ao cancelamento de sua participação no concurso.

5.6 – As IMAGENS (fotografias apenas) publicadas têm como finalidade o contexto cultural já aqui descrito: ao publicar, o participante estará de acordo com os termos legais referentes a direitos de terceiros, cessão dos direitos autorais para uso no site do CopaFest e em outros veículos de comunicação pelo prazo de 5 anos em todo o Brasil, sem direito a qualquer contraprestação pecuniária.

5.7 – Uma comissão julgadora do CopaFest escolherá as 3 melhores IMAGENS (fotografias apenas) enviadas, as que estiverem mais adequadas à proposta de relacionar moda, música e comportamento, seguindo os critérios de avaliação descritos no item 7.

6 – OBJETIVO DO CONCURSO 

6.1 – O Concurso tem como objetivo aproximar o(a) participante de referências históricas que unem moda, comportamento e música instrumental brasileira, e proporcionar ao mesmo(a) uma imersão numa experiência genuína de música brasileira. Por meio de imagens, os participantes podem compartilhar entre si referências históricas do universo da moda e da música brasileira.

7 – CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

7.1 – As IMAGENS (fotografias apenas)  serão julgadas pela Comissão de Concurso, a qual utilizará os seguintes critérios:

(i) Criatividade;

(ii) Originalidade;

(iii) Adequação da frase ao tema do Concurso.

7.2 – As IMAGENS (fotografias apenas) deverão ser de autoria do próprio participante e devem estar de acordo com o tema do concurso. Os participantes deverão possuir todos os direitos autorais do material que colocarem na rede Instagram usando a hashtag #CopaFest. O CopaFest não se responsabiliza por participações que contenham direitos de terceiros.

7.3 – Todas as IMAGENS (fotografias apenas) serão avaliadas segundo os critérios de julgamento acima estabelecidos. A Comissão julgadora terá autoridade absoluta e discrição na seleção dos ganhadores, sendo sua decisão soberana e irrecorrível. Os participantes renunciam expressamente, ao aceitar as regras deste concurso pela sua participação, a qualquer questionamento sobre critérios adotados, prevalecendo sempre o critério da Comissão julgadora formada pela equipe do CopaFest.

7.4 – A apuração dos vencedores do Concurso Cultural será feita pela Comissão do Concurso e o resultado final será divulgado publicamente pela Realizadora até o dia 29/10/2013. Os perfis dos participantes ganhadores serão avisados no dia 28/10,previamente à divulgação pública nas redes Twitter e Facebook.  Os vencedores serão contatados por meio de mensagem virtual solicitando nome completo, RG, CPF, endereço, telefone e e-mail.

8 – PRÊMIOS

8.1 – O autor das 3 (três) melhores IMAGENS (fotografias apenas) serão premiadas com um par de convites para o Baile CopaFest, a ser realizado no dia 02 de novembro de 2013, no Copacabana Palace, com grandes nomes da música instrumental brasileira. A autor da melhor entre essas 3 imagens também ganhará, além do convite, um jantar no Restaurante Pérgula, o Copacabana Palace, válido somente para o mesmo dia do baile, 02 de novembro de 2013.

8.2 – O prêmio oferecido é intransferível e não poderá ser trocados por dinheiro. Não será permitida substituição de prêmio algum, exceto nos casos em que a mesma se fizer necessária por motivos justificáveis ou alheios à vontade do CopaFest.

8.3 – O CopaFest não se responsabiliza pelo custo de entrega dos prêmios a seus ganhadores, que deverão retirar os convites no prazo de 3 (três) dias após a divulgação do dos vencedores no seguinte endereço: Rua da Glória, 190, 502, Rio de Janeiro. Os custos de hospedagem, deslocamento e alimentação são de responsabilidade dos vencedores do concurso cultural.

9 – DIVULGAÇÃO DOS GANHADORES

9.1 – A divulgação do vencedor será exibida na fan page CopaFest e no perfil do Twitter @copafest até a data de 29/10/2013.

10 – ENTREGA DOS PRÊMIOS

10.1 – A entrega dos prêmios será efetuada a partir do dia 30/10/2013 e até o dia 01/11/2013, no endereço Rua da Glória, 190, 502, Rio de Janeiro. Sempre em horário comercial, entre 9h e 12h e entre 14he 18h, mediante a apresentação dos documentos pessoais dos vencedores.

11 – DESCLASSIFICAÇÃO

Serão desclassificados deste Concurso Cultural:

11.1 – Participantes cujos cadastros não estiverem corretos e completamente preenchidos, conforme itens 4 e 5 deste Regulamento;

11.2 – Participantes que praticarem ato ilegal, ilícito ou que atentem contra os objetivos e regras do Concurso e deste Regulamento;

11.3 – Participantes que não atendam quaisquer requisitos previstos neste Regulamento.

11.4 – IMAGENS (fotografias apenas) que contenham contexto sobre bebidas alcoólicas, cigarro, drogas, nudez, pornografia ou que atentem contra a moral, bons costumes ou que tenham conotação ofensiva serão automaticamente desclassificadas.

11.5 – Participantes que utilizarem sistemas, softwares e outras ferramentas ou métodos automáticos, repetitivos ou programados que criem condições de cadastramento, navegação, participação ou votação consideradas pela Comissão do Concurso como práticas irregulares, desleais ou que atentem contra os objetivos recreativos deste Concurso. A Comissão do Concurso poderá, a seu critério, suspender ou excluir o participante no caso de suspeita ou indícios de que ele tenha se valido de tal artifício sem aviso prévio.

12 – Toda e qualquer dúvida sobre esse Concurso poderá ser encaminhada à Comissão do Concurso, formada por profissionais do CopaFest, através e-mail contao@copafest.com.br ou por mensagem do Facebook direcionada para a fan page CopaFest.

13 – PERDA DO DIREITO AO PRÊMIO

13.1 – A perda do direito ao prêmio ocorrerá caso o vencedor e/ou participante estiver impossibilitado de receber o prêmio ou não responder à mensagem e as informações solicitadas até 29/10 às 20:00h. Nestas condições, (como no item 11), o prêmio perderá sua validade e não poderá mais ser reclamado.

14 – O acesso e as condições de acesso (tipo de hardware, software, provedor, conexão e demais condições) à rede Instagram é de inteira responsabilidade do participante. O CopaFest não se responsabiliza pelo acesso e condições de acesso ao site e não garante que o acesso a esta rede esteja livre de interrupções, intervenções ou suspensões ocasionadas por casos fortuitos, internos ou externos, casos de força maior ou por outros casos não inteiramente sujeitos ao seu controle, eximindo-se, por conseguinte, de qualquer responsabilidade proveniente de tais fatos ou atos.

15 – Toda e qualquer situação não prevista neste Regulamento, bem como eventuais casos omissos, serão decididos, exclusivamente, pela Comissão do Concurso Cultural.

16 – Este regulamento estará disponível para consulta na fan page do CopaFest e no site www.copafest.com.br.

Ver post completo

11 de outubro de 2013

Programação CopaFest 2013 tem quatro noites para o melhor da Música Instrumental Brasileira

A sexta edição do CopaFest está batendo à porta do Rio de Janeiro. Acontece nos dias 29/10, 31/10, 01/11 e 02/11 com grandes nomes da Música Instrumental Brasileira para noites que prometem repertórios memoráveis. No nosso já bem conhecido salão Cristal, do Copacabana Palace, vão passar nesta edição do festival atrações como Wagner Tiso e Som Imaginário, Raul de Souza, Tomás Improta (tocando Dorival Caymmi), Max de Castro (homenageando o maestro Érlon Chaves) e o grupo Bondesom. Nos intervalos, nada de descanso. O coletivo Vinil é Arte, com sua mesa de charmosos vinis, seguirá garantindo o som de qualidade, como em todas as edições anteriores do CopaFest.

 No palco do Copacabana também uma das revelações do nosso concurso Novíssimos talentos CopaFest: o Duo Elo, dueto cearense que abre a noite do dia 31/10, a primeira no hotel e a segunda do festival. Com um som que impressionou o juri, Cainã Cavalcanti e Thiago Almeida serão responsáveis, no piano e no violão, pelas boas vindas ao público.

Antes deles, outras revelações já terão passado pelo CopaFest 2013, no palco do Studio RJ, no dia 29/10. Na programação das terças-feiras de Jazzmania, o festival encaixou aquela que é sua primeira noite, e abre espaço para o grupo Brasilidade Geral, para o Quarteto Coda e para o Quarteto Thiago Carreri.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA ABAIXO:

Studio RJ 

29 OUT (TERÇA)

 21h30 (Ingresso único para todos os shows):

Quarteto Coda

Quarteto Thiago Carreri

Brasilidade Geral

 

Copacabana Palace

 31 OUT (QUINTA)

 22h00: Wagner Tiso & Som Imaginário.

Abertura: Duo Elo (Seleção Novíssimos CopaFest)

 >> 01 NOV (SEXTA)

 22h00: Tomás Improta interpreta Dorival Caymmi | convidada: Virginia Rodrigues

23h30: Raul de Souza Sexteto

02 NOV (SÁBADO) – O BAILE

22h00 (Ingresso único para todos os shows):

Max de Castro em homenagem a Érlon Chaves

Bondesom

Vinil é Arte

Noite Novíssimos CopaFest no Jazzmania, no Studio RJ 

 

Ver post completo

4 de outubro de 2013

Airto Moreira relembra sua primeira vez no Beco

“Eu não dei canja, né? Porque a gente não chega num lugar e diz ‘vou tocar um pouco’, principalmente no Rio de Janeiro.”

Esta é uma das ótimas frases do baterista Airto Moreira no vídeo em que narra a sua impressão da primeira visita ao Beco das Garrafas, décadas atrás, e que foi publicado recentemente pela equipe do CopaFest.

A entrevista faz parte de um projeto maior, de resgate da memória daquele Beco por onde circulou boa parte da turma que fez a bossa nova e o sambajazz a partir dos anos 50.

O vídeo com Airto Moreira é o primeiro de uma série que vamos publicar, e traduz um pouco do clima do tão famoso Beco.”Foi ali que aprendi a ser um músico de coração mais aberto e de cabeça mais aberta”, diz Airto em trecho do filmete.

Confira o vídeo:


Em breve, outros vídeos estarão no nosso canal do YouTube.

 

 

N

Ver post completo